O mundo de Roald Dahl – #3 parte

Roald Dahl continua sendo um escritor muito popular entre as crianças por nunca menosprezar a inteligência e a capacidade delas em desfrutar de livros que divertem, assustam, apaixonam, fascinam e fazem desabrochar a imaginação e a fantasia. Mas Dahl não é somente o autor de maravilhas como A fantástica fábrica de chocolate e Matilda que serviram de base para excelentes filmes, como também foi roteirista de várias produções cinematográficas.

Hoje iremos descobrir o mundo das adaptações cinematográficas de Roald Dahl!

Vamos lá!

Em 1957, Roald Dahl negociou os direitos de alguns contos para a lendária série de TV Americana Alfred Hitchcock Apresenta. Dos contos de Roald apresentados no Alfred Hitchcock Presents, Lamb to the Slaughter – dirigido pelo próprio Hitchcock – foi nomeado pelo Emmy Award em 1958, enquanto Man From The South, com Peter Lorre e o lendário ator Steve McQueen, continua sendo um dos episódios mais famosos da série.

A primeira produção cinematográfica que contou com a participação de Roald Dahl no roteiro foi 36 HORAS (36 Hours – 1965) de George Seaton. Também escreveu o roteiro do filme 007: Só se vive duas vezes (007: You Only Live Twice – 1967) de Lewis Gilbert protagonizado por Sean Connery, além de participações em outros filmes e séries para televisão.

Para as crianças, eis a lista que vale a pena assistir!

O Calhambeque Mágico (Chitty Chitty Bang Bang – 1968) de Ken Hughes. A partir de 4 anos
MA_14
Este filme é um desses clássicos para toda a família. A música, a dança, o carro que voa, Dick van Dyke (Bert, de Mary Poppins), piratas, castelos. Esse é um musical que vale a pena ver. Conta a história de um inventor que construiu um carro mágico e leva seus filhos, seu pai e a namorada a grandes aventuras no reino de Vulgaria.

Este filme foi baseado no livro de Ian Fleming (autor dos livros de James Bond). Roald Dahl foi roteirista deste filme. Recebeu uma indicação ao Oscar.

A Fantástica Fábrica de Chocolate (Willy Wonka and the Chocolate Factory – 1971) de Mel Stuart. A partir de 4 anos
MA_15
Esta é uma adaptação que vale a pena ver sobre o fantástico livro de Roald Dahl. Esta fantasia nunca subestima sua audiência infantil e também envolve os adultos com sua magia. Charlie é um herói maravilhoso, trabalhador, inocente, mas com sonhos e anseios. E com seus defeitos também! A abrangência dos quatro adversários que são as outras crianças no filme é ainda mais maravilhoso pois mostra quase todos os vícios imagináveis, mas de uma maneira que as crianças entendam. Pura magia!

Ahhh… e o próprio Roald Dahl se ocupou do roteiro.

Danny – O Herói de Seu Pai (Danny, the Champion of the World – 1989) de Galvin Millar. A partir de 7 anos
MA_16
Filme britânico protagonizado por Jeremy Irons e seu filho Samuel Irons. Esta comédia baseada no livro de Dahl conta a história de um pai viúvo e de seu filho que lutam contra um ganancioso empresário que tenta tomar suas terras para torna-la parte de uma reserva de caça a pássaros. Muito legal!

Elfy, o Duende que caiu do céu (The BFG – 1989) de Brian Cosgrove. A partir de 6 anos
MA_17
Filme de animação que conta a história de Sofia, uma menina órfã que é levada ao país do gigante BFG (Bom Gigante Amigo). Ela aprende que o trabalho dele é recolher, catalogar e entregar sonhos agradáveis para as crianças. Ela vive aventuras ao lado desse gigante contra os gigantes médios que planejam comer as crianças. Vale a pena conferir!

Convenção das Bruxas (The Witches – 1990) de Nicolas Roeg. A partir de 8 anos
MA_18
Antes de mais nada tenho que dizer que Anjelica Huston é uma chefe de bruxas espetacular; ninguém poderia ter feito melhor. Mas as transformações das bruxas, das crianças em ratos e a morte (mesmo que não explícita visualmente) dos pais do protagonista, podem ser fortes. Um filme que dá medo! É uma fantasia baseado no livro de Roald Dahl sobre um menino que descobre que as bruxas são muito, mas muito reais e bem perversas.

James e o Pêssego Gigante (James and the giant peach – 1996) de Henry Selick. A partir de 5 anos
MA_19
Uma bonita história de aventuras que tem seus momentos difíceis. Um menino que perde seus pais é obrigado a viver com tias nada agradáveis, mas consegue sair desta situação e viver grandes aventuras junto a um grupo de insetos que demostram o que é a verdadeira amizade. O filme começa como live action e torna-se um filme de animação a partir da entrada do menino no pêssego. Uma indicação ao Oscar.

Matilda (Matilda – 1996) de Danny DeVito. A partir de 6 anosMA_20
Este filme tem a habilidade de manter intacta a magia do livro de Dahl. Matilda é uma menina muito especial (é amante da leitura, inteligente e além disso tem poderes), que nasce dentro de uma família abominável. Também frequenta um colégio com uma professora encantadora, mas com uma diretora de horror. Mas Matilda sabe defender não só sua individualidade e sua independência, mas também intervêm por seus amigos quando são maltratados. Todos recebem o que merecem no final. Imperdível!

A Fantástica Fábrica de Chocolate (Charlie and the Chocolate Factory – 2005) de Tim Burton. A partir de 4 anos
MA_21
É a segunda adaptação para o cinema do livro britânico de 1964 de mesmo nome de Roald Dahl e estrelado por Johnny Depp como Willy Wonka e Freddie Highmore como Charlie Bucket. A história diz respeito a Charlie, que vai a uma turnê que ele ganhou, liderado por Wonka, com mais quatro crianças pela fábrica de chocolate mais magnífica do mundo. Essa adaptação foi elogiada pela crítica e foi um sucesso de bilheteria.

O Fantástico Sr. Raposo (Fantastic Mr. Fox – 2009) de Wes Anderson. A partir de 7 anos
MA_22
Este filme é a maneira perfeita de introduzir as crianças ao gênio que é Wes Anderson. Um dos grandes cineastas contemporâneos, responsável pelo Grand Budapest Hotel e Moonrise Kingdom, esse filme é tão diferente da maioria dos filmes animados atuais, que é um alívio. Com uma direção artística que é uma maravilha, as cores e os cenários são dignos de serem disfrutados com calma. Mas a história e os personagens também são absolutamente encantadores. Trata de como o Sr. Raposo se desvia para o mal caminho roubando os fazendeiros vizinhos, mas acabando por afetar a sua família e tantos outros animais acaba aprendendo sua lição. Duas indicações ao Oscar.

Dá pra marcar uma sessão pipoca bemmm longa pro final de semana!

E tem novidade vindo por aí…

Atualmente se encontra em pré-produção um filme baseado em The BFG (Bom Gigante Amigo), que será dirigido nada mais e nada menos que por Steven Spielberg. O filme está programado para ser lançado no dia 1 de julho de 2016 nos EUA e 30 de julho no Brasil. Fiquem atentos!

Ahhh… deixe nos comentários a relação dos cinco filmes que VOCÊ mais gosta. A minha relação já vai estar lá!

Bom… fique atento ao próximo post que será o último da série O Mundo de Roald Dahl. Até lá!

Anúncios

Um comentário sobre “O mundo de Roald Dahl – #3 parte

  1. Minha lista dos 5 Tops!

    1- O Calhambeque Mágico (Chitty Chitty Bang Bang – 1968)
    2- A Fantástica Fábrica de Chocolate (Willy Wonka and the Chocolate Factory – 1971)
    3- Matilda (Matilda – 1996)
    4- Danny – O Herói de Seu Pai (Danny, the Champion of the World – 1989)
    5- James e o Pêssego Gigante (James and the giant peach – 1996)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s