Feliz Natal! Bemmm… colombiano!

Pois é… véspera de Natal e estamos longe da família e do nosso querido Brasil! Ai que saudade!!!!

Mas… sem chororô… prometemos no nosso último post (leia 6 doces típicos colombianos que não podem faltar no Natal!) que iríamos contar algumas curiosidades sobre la Navidad (Natal) por aqui.

Vamos lá?!

Pra começar, na Colômbia a época natalina dura quase um mês! Isso mesmo! Se inicia em 7 de dezembro e vai até 6 de janeiro.

O início oficial da celebração do Natal é com a noite ‘de las Velitas’ ou o ‘Alumbrado’, dia 7 de DEZEMBRO, véspera da festa católica da Imaculada Conceição de Maria. Nesta data, as famílias se reúnem para acender uma grande quantidade de velas e lanternas em frente das casas e, desta maneira, traçar o caminho para que a Virgem bendiga seus lares.
mm_21
Tem até espetáculo de fogos de artifício! Nos sete primeiros dias do mês, as avenidas principais estão cheias de vendedores de lanternas decoradas com a Virgem.

Este ano, o ‘Alumbrado’ caleño, com o título “Trinos de Color”, rendeu homenagem as aves típicas da região, ressaltando a biodiversidade e criando uma consciência ambiental, já que o país tem problemas com o abastecimento de água.
mm_22

mm_23
Cinco empresas da cidade trabalharam na elaboração do Alumbrado Navideño em parceria com a prefeitura. Além da decoração com luzes de natal, o alumbrado teve o mapping (show de luzes) e um espetáculo com figuras, onde personagens animados como uma árvore (árbol), um sapo, um bem-te-vi (bichofué) e um capitão de cabeça vermelha (torito cabecirojo) – aves representativas de Cali – dialogavam com atores do Teatro El Globo.
mm_24
Os personagens moviam a boca, os olhos, a cabeça, o pico e as assas. O espetáculo com duração de oito minutos trazia a mensagem do uso racional da água e o equilíbrio do meio ambiente. Teve também, um espaço permanente para apresentações artísticas, fora os artistas que se apresentam na passarela central do Alumbrado.

Entre os dias 16 e 24 de DEZEMBRO os católicos rezam a ‘Novena de Aguinaldos’, cujo texto final foi escrito no século XIX pela madre María Ignacia, uma religiosa nascida em Bogotá.

As casas são decoradas com guirlandas, a árvore de natal e o presépio, e, nestes nove dias a reza é acompanhada ao ritmo dos villancicos, são as canções natalinas que falam da virgem, do menino Jesus, etc.
mm_25
Nesses encontros se oferecem bocadillos (sanduíches), postres (sobremesas) e preparações culinárias como a natilla e os buñuelos. Há aqueles que festejam até ao amanhecer ao ritmo da salsa, merengue, cumbia, porro, enfim.

Os grupos de amigos e companheiros de trabalho jogam os tradicionais ‘Aguinaldos’ (presentes de Natal), ou seja, o nosso Amigo Secreto.

Na noite do dia 24 de DEZEMBRO, depois de rezar o último dia da Novena, as famílias se reúnem para a tradicional ceia de Natal. O menu varia dependendo dos costumes de cada região, mas alguns dos pratos que usualmente se consomem nesta época são tamales, ajiaco, sancochos, lechona, pernil de porco defumado e peru recheado. Os bolinhos, o pão com frutas, os doces e as sobremesas caseiras também fazem parte da gastronomia natalina.
mm_26
As 12 horas da noite, todos param para a entrega dos aguinaldos (presentes). Também é costume jogar ‘Sí y el no’, ‘Pajita en boca’, ‘Dar y no recibir’, entre outros. É costume também alguém da família esconder um ‘niñito Jesús’ (menino Jesus) pela casa e o restante ter que procurar, no estilo “quente ou frio”. Aquele que encontrar ganha um prêmio.

Algumas crianças abrem seus presentes, como recompensa por seu bom comportamento, e saem na rua para brincar. Outras esperam a manhã de 25 de DEZEMBRO para encontrar e receber os presentes, enviados pelo ‘menino Deus’, escondidos pela casa. Pois é… não é o Papai Noel que traz os presentes, mas o ‘menino Deus’.

Aqui em Cali, todo ano tem início no dia 25 de DEZEMBRO a Feira de Cali ou ‘Feria de la Caña’. Um dos eventos mais importantes da cidade vallecaucana desde 1957 e que acontece entre os dias 25 a 30 de dezembro. O clima, a rumba e os eventos atraem turistas de todas as partes. A principal atração é o Salsódromo e o chamado Superconcierto. Na cidade inteira só se ouve o batuque da salsa e da rumba.
mm_27
O dia 28 de DEZEMBRO é o dia dos ‘Santos Inocentes’. Uma data que tanto os meios de comunicação, familiares e amigos costumam fazer certo tipo de armadilhas, ou brincadeiras, entre si, para se divertir. Se comemora a lembrança da morte de centenas de recém nascidos que o rei Herodes mandou executar para evitar a chegada do ‘Rei dos Reis’.

O dia 31 de DEZEMBRO é outra festa, em que as famílias e amigos se reúnem para celebrar o fim do ano. A aguardente, o rum e todos os ritmos se fazem presentes neste dia. Em muitas regiões do país é costume construir um boneco com roupa velha (Año viejo), recheado de folha de bananeira ou qualquer material inflamável como a pólvora.

mm_28
Año Viejo em miniatura

Em algumas regiões do país fazem concursos para o melhor boneco criado e fazem desfiles. A meia noite, o boneco é incendiado na frente de todos, acabando com o ano velho e dando as boas-vindas ao ano novo.

Também é muito comum as crendices como colocar roupa íntima amarela (para ter boa sorte), sair com as mala nas mãos e dar volta na casa (para fazer muitas viagens no ano), comer doze uvas (cada uma significa algo diferente) e as previsões para o ano que vem. Incrível!!!

Pois é… essas são as curiosidades natalinas dos colombianos. Espero que tenham gostado.

Besitos para todos!

Feliz Natal!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s