CineKaramelo indica: Ernest & Celestine

O CineKaramelo deste mês é para se encantar!

Pois é… o oitavo livro do nosso DESAFIO KaraMelada é O ratinho, o morango vermelho maduro e o grande urso esfomeado. Amooo esse livro!!!

Então… descobrimos um filme onde os protagonistas também são um ratinho (na verdade uma ratinha) e um urso (só faltou o morango).

A indicação do mês de outubro é…

ERNEST & CELESTINE (Ernest ét Célestine – 2012)
CK_39
“Ernest & Celestine” é um filme de animação francês/belga dirigido por Stéphane Aubier, Vincent Patar e Benjamin Renner, e estrelado pelas vozes originais de Lambert Wilson e Pauline Brunner e vozes estadunidenses de Forest Whitaker e Mackenzie Foy.

Baseado nos contos infantis da escritora e ilustradora belga Gabrielle Vincent, o filme é uma terna fábula sobre a amizade acima de todas as adversidades e tabus sociais, uma história narrada com bastante simplicidade, diálogos curtos e estética que lembra os trabalhos de ilustração que lhe deram origem.

A fotografia traz aquarelas belíssimas e muito bem desenhadas a mão, o que é de fato louvável nos dias de hoje. É uma animação na mais pura forma artística, e com requintes de poesia.

A paleta de cores, sempre com tons brancos ao redor, como se o desenho não preenchesse a tela, cria formas quase etéreas, como se impulsionassem o público à imaginação, mesmo que a forma esteja concreta.

Esse tipo de animação consegue resultados incríveis só a partir de seu visual, uma vez que, de maneira bastante sutil, mexe com a veia criativa do público, aproximando-o ainda mais da história, que por si só já tem um lado emotivo bastante convidativo.

Apesar da sensibilidade do enredo, ele traz algumas críticas subentendidas, como por exemplo, o preconceito existente entre classes sociais, já que os ursos que estão acima ignoram o quanto podem a presença dos ratos. Isso fica evidente quando Celestine vai dormir em sua casa, e ele a faz ir para o porão para ficar um nível abaixo.

Mas uma das sacadas geniais da história é mostrar que os roedores fazem implantes de dentes de urso para ficarem mais fortes, enquanto que os próprios ursos tem que cuidar da dentição por conta das cáries (eles amam doces). Ou seja, mesmo sem se gostar, um depende do outro.

Além disso, a cumplicidade que surge entre os dois protagonistas é acompanhada com ternura, como um pai e uma filha, que cuidam e amam um do outro. Na verdade, tanto Ernest, quanto Célestine eram duas criaturas extremamente sós, que não se adaptavam ao mundo em que viviam.

Duas almas de artista, ele com a música, ela com a pintura que não conseguem se adaptar a trabalhos formais. Isso os aproxima e os torna uma família. ❤

Realmente… o longa tem um bom ritmo de acontecimentos, uma bela trilha sonora, boa dose de humor e delicadeza, e, principalmente, a capacidade de nos fazer visitar uma teia de sentimentos e lembranças através de seu roteiro e arte.

O filme venceu o César, o chamado “Oscar francês” e ainda recebeu menção honrosa no Festival de Cannes.

Cartaz:
CK_40
Sinopse:

Em um mundo, há duas cidades: a cidade da superfície, onde vivem os ursos, e a cidade do esgoto, onde vivem os ratos. Nessas sociedades, não é bem-vinda a amizade entre as duas espécies.

No meio disso tudo há Ernest (Lambert Wilson), um urso faminto e palhaço, que trabalha como artista de rua, e Célestine (Pauline Brunner), uma ratinha rebelde órfã, que acha que os ursos não são realmente maus, tendo um pensamento diferente sobre eles, refutando o que os outros ratos dizem.

O destino e a fome juntam os dois para começarem uma criminosa, improvável e impossível amizade, que pode levar os dois ao tribunal, por quebrar as “leis” de suas respectivas cidades.

O filme foi distribuído pela Studio Canal e tem duração de 80 minutos.

Trailer:

A ternura com que a amizade é exposta no filme e o trabalho estético feito para contá-la faz de Ernest & Celestine uma pequena pérola da animação.

E uma pérola que precisa ser descoberta por todos!!! Vale a pena!!! ❤

Ahhh… e a dona KaraMelada já está se programando para adquirir a série de livros infantis de Gabrielle Vincent que é um sucesso na Europa. 😉

Por hoje ficamos por aqui. Até o nosso próximo CineKaramelo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s